correios-fim-e-sedex

Fim do e-SEDEX dos Correios deve causar aumento de preços em Lojas OnLine

Os Correios cumprindo decisão da diretoria irão acabar com o e-Sedex, serviço de frete com entrega rápida voltado para o comércio eletrônico. A decisão só entra em vigor em 1º de janeiro de 2017 e deve causar impacto na receita das lojas online e no frete das mercadorias. Para se ter ideia, o 81% das encomendas do MercadoLivre usam o serviço.

O e-Sedex, um dos serviços de valor agregado mais utilizados dos Correios terá seu fim em 31 de dezembro de 2016. A notícia foi divulgada pelo Mandaê, serviço que recolhe encomendas no endereço do cliente e as envia por meio de transportadoras, incluindo os Correios.

Nem mesmo aqueles serviços pré-cadastrados, PLP (Pré-Lista de Postagem), como o que o MercadoLivre utilizava, onde o vendedor ao concluir uma venda já recebia uma etiqueta para efetuar a postagem no correio, agilizando o serviço do próprio Correio será descontinuado.

Mesmo com cobertura restrita o e-SEDEX era carro-chefe de volume de serviços agregados da companhia.

Entretanto, segundo informações do presidente dos Correios, Guilherme Campos Júnior, o “O e-Sedex tem preço de PAC e qualidade de Sedex. Isso é ter a liberdade de ser solteiro com o conforto de casado”. Os Correios tiveram prejuízo de R$ 2,1 bilhões em 2015, mesmo detendo o monopólio na entrega de cartas.

Mais Notícias:

Sobreviventes: Confira o estado atualizado dos 6 sobreviventes do vôo da Chapecoense. Alan Ruschel e NETO não ficarão com sequelas!

 Avião da Chapecoense cai e deixa mais de 70 mortos

 
 

A medida irá tornar os fretes ainda mais caros nas compras online. É certo que apesar de algumas lojas oferecerem FRETE GRÁTIS, esse custo sempre esteve embutido no valor da mercadoria. Agora esperem produtos mais caros, ou o Adeus a ilusão do FRETE GRÁTIS.

Algumas lojas virtuais, como SUBMARINO (PRIME), já lançaram serviços que cobram uma assinatura anual para que o cliente tenha frete sem custo adicional em todas as compras, algo semelhante ao que o Amazon Prime faz nos Estados Unidos.

A modalidade responde por 30% do faturamento das lojas franqueadas dos Correios. Segundo o jornal O Globo, os franqueados preveem queda de receitas e prometeram entrar na Justiça para que o e-Sedex continue sendo oferecido pelos Correios.

Lembrando que franqueados dos Correios são Empresários PRIVADOS que decidiram abrir um negócio com a marca Correios, pagaram por isso e vêem seu portfólio diminuído por decisão Diretora.

Incrível é que quem já usou serviços da DHL, ou outra Courier EXPRESS, sabe que basicamente o serviço de Delivery é feito nos moldes do e-SEDEX, você imprime a etiqueta em casa ou no loja, ou no seu negócio e despacha, agilizando tempo de ambos os lados.

Será que a solução não seria buscar adequação de preços ou de prazos para o produto? Cadê o Gerente de Produtos?


C-date_pt_300x250_casual_flirtOlha isso:

Sabia que Paris é considerado o melhor destino para casais do Planeta? O Mais romântico! Sabe porquê? A rede hoteleira, gastronomia, cultura, clima…  Sabia que é inverno e neva agora no final do ano? Então confere isso:  Melhores Hotéis em Paris

Prefere praia? Confere os melhores:

Mais luxuosos hotéis no Brasil

Melhores hotéis TUDO INCLUSO Brasil

Melhores hotéis no CARIBE

Agora se você quer ver luxo de verdade, o único hotel 7 estrelas do mundo! DUBAI!!! Clique e confira!!

burj-al-arab



style="display:block"
data-ad-client="ca-pub-1820171888102207"
data-ad-slot="8882231979"
data-ad-format="auto">

Matérias Relacionadas

676 Views